Pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido?

pode-alcool-gel-liquido-quimica
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Imagine a cena: “Você está em casa e percebe que o álcool em gel está acabando. Vai até a despensa e percebe que ainda há bastante álcool líquido. Logo, uma boa alternativa é unir os dois para fazer render até que você vá até algum mercado ou farmácia.” Mas espera aí. Será mesmo que pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido?

Na teoria não há o que dar errado, afinal, álcool + álcool = álcool. Mas quando falamos de química, todo o cuidado é pouco, ainda mais quando estamos falando da sua pele.

Felizmente você veio ao lugar certo! Nós aqui da Asseptgel temos uma linha inteira de produtos que te auxiliam na higienização do dia a dia, incluindo o álcool em gel e o líquido.


Logo, entendemos as duas fórmulas melhor que ninguém e podemos te responder com certeza se pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido ou não.

Olha o nosso parecer:

Álcool gel 70 e álcool líquido são a mesma coisa?

Não. Não são a mesma coisa. Por mais que em ambas as versões estejamos falando de tipos de álcool etílico, ainda assim há diferenças – e são elas que vão dizer se você pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido ou não.

O que acontece é que ambas as versões possuem 70% de álcool puro – por isso são os mais indicados contra o coronavírus – certo? Agora, pensando no uso de cada um, os outros 30% podem ser modificados:

Álcool líquido: Nele trabalhamos da forma mais pura possível, tendo em sua fórmula apenas 70% de álcool e 30% de água; 

Álcool em gel: Em sua composição inserimos ainda outros componentes excipientes (veículos para o princípio ativo) espessantes, facultativamente, peróxido de hidrogênio e glicerol para dar a textura. E, como estamos falando do contato direto com a pele, há ainda hidratantes, clorexidina e até perfume para deixar aquele cheirinho bom enquanto aplica.

Dito isso: você acha que pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido?

Olha, se você quer saber se pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido com receio de que aconteça alguma reação tóxica, ou as partículas reajam dando um princípio de incêndio ou mesmo queimaduras na sua pele, a resposta é não. Isso não vai acontecer.  

Mas ainda assim há riscos! Ainda que ambos tenham a pureza de 70%, o álcool líquido é mais volátil, com maior evaporação e se espalha mais rapidamente. Logo, os riscos de incêndio e mesmo do fogo invisível são maiores neste caso. 


Além disso, você não pode misturar o álcool gel 70 com álcool líquido para utilizar na pele. Se fizer isso, vai estar adquirindo os efeitos adversos deste produto que não foi projetado e nem patenteado como um cosmético – diferentemente do álcool em gel – como irritabilidade nos olhos e ressecamento, irritação e sensibilização na pele.

Você não pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido. Mas pode fazer o melhor uso dos dois

Voltando lá na história do início deste texto e te dando uma resposta bem objetiva, não, você não pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido. Isso porque ela vai causar rachaduras na sua pele que podem se tornar feridas, que serão porta de entrada para vários outros tipos de bactérias. Então definitivamente não compensa.  

O recomendado é que você lave as mãos com água e sabão. Se acontecer de não ter esses ingredientes básicos e nem o álcool em gel, daí sim pode utilizar o álcool líquido. Mas isso em uso esporádico, como último recurso! 

Neste caso, ele não vai te causar danos. Mas, em todo caso, é melhor que achar que pode misturar álcool gel 70 com álcool líquido e ficar utilizando por semanas ou meses. 

Então, só para deixar bem claro: 

Você vai utilizar o álcool gel 70 quando não estiver em casa ou local com água e sabão para higienizar as mãos; 

Você vai utilizar o álcool 70 líquido quando for: 
Fazer a limpeza de superfícies – o mais indicado é diluí-lo em água, então ele vai apenas limpar, mas não desinfectar porque deixou de ter 70% de pureza, ok?

Fazer a desinfecção de embalagens e calçados quando for entrar em casa –  o intuito é não deixar que o coronavírus ou outros micro-organismos entrem para dentro do seu lar, então utilize em sua forma pura;
  
Fazer a assepsia hospitalar em consultórios pequenos – aqui também a ordem é que ele seja utilizado puro, na limpeza de equipamentos (estetoscópios, esfigmomanômetros, termômetros), bancadas, mesas e pias. 

Mas já que estamos falando em “dar um jeitinho”, um que tem feito sucesso na internet é o álcool 70 caseiro. Mas muito cuidado! Esse assunto é sério, assim como os riscos de contaminações e queimaduras. 

O melhor jeito de cuidar da sua saúde é sempre ir no certo. Não tem nem porquê arriscar. E o certo é contar com a maior linha de assepsia do Brasil que garante proteção para todos os momentos! 

Todos mesmo! Conheça a nossa linha para uso pessoal e para uso comercial 🙂

Posts Relacionados

Quer conhecer mais?

Informe seu melhor e-mail abaixo para assinar nossa Newsletter e receber informações sobre lançamentos, novidades e links para as publicações mais recentes.

Logo-ft-start
Asseptgel© Copyright 2020 – Todos os direitos reservados.